terça-feira, 26 de outubro de 2010

O que o cabelo fez para ser chamado de ruim?

Ao passar pelo blog de meu amigo Marcio Macedo (new york Kibe) que eu adoro ler.Fiquei boba com o Post "Vai um cabelo ruim ai".Onde vemos a real visão do Brasileiro sobre cabelos. Assistam o vídeo.
Há quase 6 anos uso meu cabelo crespo e confesso que ainda não me acostumei com as diversas reações das pessoas.Não quero criar nenhum tipo de discussão com as mulheres negras que alisam o cabelo.Acho que seria a ter outro preconceito de minha parte.
Mas a ditadura do cabelo liso vem se arrastando por anos e anos e como toda mulher que se preze com certeza você não gosta de algo em você.Nas mulheres negras 80% com certeza responderão que não gostam de seu cabelo.
A real é que temos uma visão preconceituosa sobre cabelos no Brasil.
Eu particularmente odeio qd falam que meu cabelo e ruim.Então existe em meu corpo uma parte que não presta e que tem que ser exterminada com o bom e velho alisante.



Eu como a maioria das meninas negras não gostava de meu cabelo.E minha mãe logo resolveu este problema me levando ao salão para um bom tratamento capilar. Lembro como se fosse hj,sair do salão e pela primeira vez sentir o vento em meus cabelos. Como foi bom sentiu-lo e ter a ilusão que todos meus problemas acabariam naquele dia. O cabelo é a moldura do rosto e para alguns a beleza máxima da mulher, A apresentadora Regina Casé em uma entrevista disse que o brasileiro não tem preconceito "ele tem preconceito de cabelo". Se você é negra, mas tem o cabelo liso, tudo bem você é igual a uma mulher branca. Mas se você é negra e tem o cabelo "Pixaim" amiga você tem um grande problema. Grande ilusão, o preconceito chegará em sua vida de qualquer maneira. Com ele liso ou crespo. Acho que para mim a decisão de não alisar mais meus cabelos, foi a mais difícil de ser tomada. Depois de todas as críticas foi libertador. Como se toda a verdade me forjasse mais mulher, mais negra mais livre. Livre do ferro e dos grilhões dos colonizados. Foi a minha alforria da beleza. O vento desta vez soprava forte e pela primeira vez eu realmente o senti de verdade.

O mercado para cabelos Afro cresceu muito e hoje há produtos realmente qualificados para soltar suas madeixas. O problema não é alisar o cabelo, mais sim despreza o crespo que sempre fará parte de você. Sacrificar a sua diversidade e a sua beleza natural. A saúde de seu cabelo. Pois vale muito mais um cabelo liso todo queimado nas pontas e desidratado do que o seu cabelo natural "ruim".
Músicas racistas somente agregam o preconceito sobre o cabelo Afro. Ja escutei de muitas negras as seguintes frases: "nossa queria ter a coragem de deixar meu cabelo que nem o seu"."Nossa porque você não passa um alisante neste cabelo vai ficar linda." Caralho eu sou linda assim mesmo.




Acho que temos que mudar está imagem. E passar para futuras gerações o orgulho que temos um cabelo tão bom quanto os outros. Fico realmente triste quando vejo crianças tão novas usando química no cabelo. Isso é um crime. A ditadura da beleza está diretamente ligada a tv e as revistas de beleza. Se você vê um personagem na rede Globo que tem o cabelo Black Power você começa a achar normal. Se não tem está referência todos de black que você encontra na rua estão fora do padrão de beleza.




Queridas mamães negras mesmo que sua filha quando crescer queira ficar com o cabelo igual da Xuxa, façam que elas tenham orgulho de seus cabelos. De sua cor e toda uma história de preconceito. Minha mãe sempre escondeu de mim o racismo. Não a culpo pois toda mãe quer proteger seu filho, mas acho que seria mas forte se soubesse toda a verdade enquanto era nova. Pois quando você cresce e ver a realidade doí muito mais. E ver que tudo que você acreditou era uma ilusão. As princesas são brancas do cabelo liso e o príncipe não vai nem olhar para você. Quando eu era criança um menino disse que não iria dançar quadrilha comigo pois eu era feia, negra e tinha o cabelo duro. Nossa guardei isso comigo por um bom tempo, mas superei o trauma e me orgulho da minha cor e do meu cabelo. Já ensino para meu filho (Rakim) ter orgulho de seu cabelo e de suas origens. Pois ele vai saber usar suas armas se um dia o racismo chegar em sua vida.
Não vamos ser hipócritas, cabelo crespo dá trabalho. Claro que dá. Mas com certeza dá menos trabalho que ficar alisando em 3 em 3 meses. Então minha queridas irmãs. Liberdade para seu cabelo. Diga não a ditadura do cabelo liso. È nega do cabelo duro é a Puta que te Pário.
 "Quem é é quem não é cabela avoa"


segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Raizes

Hoje me passou pelo pensamento a ideia de deletar este blog.Me sinto envergonhada por larga-lo as traças virtuais.Quanta coisa mudou do meu último Post.Há! E para que não fique mentiras entre nós,vou logo teclando.Voltei a fumar,acho que foi um dos motivos que não escrevi mas aqui.No Post anterior escrevi uma carta de Adeus para meu amante.O cigarro.Blá,blá,blá.Mas realmente pensei que seria a ultima vez.Mas voltei.O amante voltou e bem mais atraente.Minha inspiração para voltar ao blog foi meu renascimento nos livros.Há muito tempo não lia e nem comprava nenhum livro,Logo eu que gosto de ler de dois a três livros por mês.Eu tenho total paixão pela literatura mas meu tesão acabou.Calma,calma deixa eu explicar.Sou devota de Dostoiévski e com muito custo comprei meu exemplar dos Irmãos Karamázov.Estava tão feliz,queria saborear o livro docemente e bem devagar.No estilo de Dosto,mas em uma tarde daquelas de romance de Jorge Amado com um ceú desenhado em azul.Perdi meu livro no onibus em direção a zona Leste.Você já perdeu um livro?Sabe a dor de perder?Não sei o que é pior perder um livro ou emprestar e nunca mais te-lo de volta.Mas o pior já passou como diz a música de Ivan Lins que escutei hoje Começar de novo.Não vou dizer que não li nada depois da perda do Dosto,até li mas nada que me fizesse deixar de dormi para ler.E eu adoro perder o sono por um bom livro.



No mês passado li "Não conte a ninguém" de  Harlan Coben,confesso que fui influênciada pelo vendedor da banquinha que fica ali na Marconi.E que tem livros ótimos com preços ótimos também.Li em três dias e adorei.Passei para algo menos formal e fui bisbilhotar o livro da Bruna Surfistinha "O doce veneno do escorpião".Uma literatura sacana não faz mal a ninguém e se eu ler somente Dostoíevski fico louca que nem seus personagens.A doroooooooo.Hoje comecei a ler "A menina que roubava livros" de Markus Zusak Estou apaixonada pela narradora.Como gostar assim de um Ser que passamos a vida toda a evitar (leiam o livro para saber de quem falo)Só mesmo na literatura.Hoje comecei a assistir Raízes no canal a cabo na TCM.Um canal onde só os clássicos tem vez.Ver um clássico faz bem para a alma.Eu sempre tive vergonha de falar que não tinha assistido Raízes.Pronto confessei.EU PAULA KRISTINA NUNCA VI RAÍZES.Sempre nas rodas de negros intelectuais a minha desculpas era sempre a mesma "é realmente Raizes e muito foda" mas não entrava em detalhes.Mas quem é este tal de Kunta Kinte de quem eles estão falando?Quem é este cara meu?Mas nunca perguntei por medo de colocar minha negritude em evidência.Não que era mentira,mentira eu assistir, foram duas vezes vai.O sinal era horrível do Sbt e a antena de casa funcionava na base do bom bombril.Acho que Kunta não apareceu nas cenas que vi.O SBT tem a minha admiração nesta parte, Silvio Santos gosta de um pretinho básico.È o unico canal que sempre passa séries e filmes de negrão.Acho que em uma de suas reencarnações Silvinho descobriu que era da tribo Zulu.


Eu assistia os desenhos do Sbt somente para ver o super Shock.Mas cá entre nós ele é um gatinho de dreadlok.Mas voltando aos livros e ao blog vou me dedicar mais.Não vou deletar nada.Fica assim mesmo com meus erros de português e a falta da boa gramática.Acho que todo Blogueiro já passou por está crise.Mas que bom voltar a ler,a escrever.Me sinto bem melhor agora.
Até aproxíma blogada.

quarta-feira, 31 de março de 2010

"Dá- me a luz, dai me o fogo"

Quando o conheci estava em um momento muito fragil e triste de minha vida.Não posso dizer que fui seduzida,pois já estava com mais de 20 anos e já sabia o certo e o errado.Não faltaram conselhos  para não me aproximar.
Tinha acabado um relacionamento de 6 anos e estava aos frangalhos.Não foi ele que me procurou mais sim eu.Achei que com ele todos meus problemas sumiriam.Não se cura um amor com outro?E assim eu o fiz.No começo foi um caso banal e somente o procurava uma vez por semana.Mas depois me tornei dependênte de tudo nele.Passava o dia inteiro com ele.
Era uma relação prazerosa, mas tudo que passa a ser dependência não tem um final feliz.


Não conseguia mas larga-lo.E olha que tentei.Entre indas e vindas eu me culpava por não colocar um final na relação.Acordava e a primeira coisa que fazia era procurar seu colo.Seu cheiro estava perfurado em minhas mãos,em meu cabelo, em minha pele.E quando não o achava em meu alcance tinha muita ansiedade.Ele me ajudava a ser mais social e porque não, à conhecer novas pessoas.Depois do sexo era nele que pensava.

Durante mais de dez anos nos aturamos.E mesmo com um alto grau de dependência,ele me ajudou em momentos felizes e tristes de minha vida.
Durante minha gravidez tive que deixa-lo.Ou era ele ou meu filho.Escolhi meu filho sem pensar.Com esta separação engordei e fiquei neurótica.As mudanças de hormônios tb ajudaram.
E nos momentos de alegrias e tristezas ele não estava mais lá.No nascimento de meu filho ele não estava lá.Como queria vê-lo depois do parto.Toda mulher merece, pelo menos nesta hora de grande bravura.

Nossa separação durou um pouco mais de 1 ano.Impensavelmente o procurei e mesmo sem seus vestigios em meu corpo, insistir na volta.
Não preciso dizer como fui criticada por procura-lo depois de tanto tempo longe.Quem nunca errou atirre a primeira bituca.
Hoje já faz quatro semana que não o procuro.Prometi a mim mesma que essa dependência teria um final.
E a cada dia sinto menos sua falta.O seu cheiro não esta mais em mim,jã posso respirar melhor,caminhar melhor e em meus beijos não trarei mas seus pensamentos.


Espero que ele seja feliz.Mas que seja feliz sozinho.Não serei chata em ficar criticando quem o tem.Ele foi bom para mim enquanto durou.Mas tudo tem um fim.Estou naquela fase "somente hj" e espero que nunca mais.Foi muito dificil a separação mas não posso aceitar esta dominação.Sou muito mais forte que ele.E não vou deixar que me leve, como o fez com tantas pessoas queridas.Por pura vaidade ou falda de vontade de dizer Stop.
Fico com vontade quando o vejo em outras mãos,em outras bocas e até invejo quem o possui.Mas também tenho orgulho por minha decisão de deixa-lo.
Agora serei feliz mesmo sem sua presença.
Mesmo sem sua falsa companhia.Mesmo sem seu alto poder de sedução.


sexta-feira, 12 de março de 2010

Billy elliot

Por que toda vez que estamos na beirar do abismo quase a cometer suicídio temos a infeliz ideia de ligar a tv. Parece caso do destino.O sujeito na merda e tudo que ele quer é ouvir uma voz de um anjo enviado por Deus dizendo: "tudo vai passar você é um dos preferidos do homem lá de cima.Relaxa".Mas não, a mão coça e somos tentados por uma voz do mal que diz: liga a tv você vai relaxar mais depressa.Esta semana estava nesta situação.E ao invés da visita do anjo do bem,recebi a visita do anjo do mal e assim como Eva (grande mentira) fui tentada a pegar o controle e zappear sem parar.Sempre encontramos um filme que ao invés de levantar nossa moral nos leva as lagrimas e soluços.Assim também o noticiário onde nos faz pensar que o mundo está chegando ao fim.

O filme em questão foi Billy Elliot.Filmaçooo!!!
Para quem me conhece sabe que além de dormir adoroooooooooo assistir filmes e + filmes. Já tinha assistido este filme,mas quando estamos abertos a tristeza parece que tudo fica mais claro e emotivo.

Na história Billy é um menino de 11 anos que vive em uma pequena cidade da Inglaterra,onde o principal meio de sustento são as minas da cidade.Obrigado pelo pai vai treinar boxe,mas Billy fica fascinado com a magia do balé pois as aulas são na mesma academia. Incentivado pela professora de balé (Julie Walters) que vê nele um talento nato para a dança ele resolve entrar de corpo e alma e pendura as luvas de boxe.Mesmo tendo que contrariar a vontade de seu irmão e seu pai.




Fiquei apaixonada pela a história de Billy e mais ainda com o ator que o interpretou (Jamie Bell).Jeito de menino cara de homem com um sorriso lindo.Hoje ele tem 25 anos e mesmo não tendo a mesma beleza seu sorriso ainda encanta.O filme tem muitos clichês mas não deixa de ser leve,sensível com ótimas escolhas do elenco.Foi o primeiro longa-metragem do diretor Stephen Daldry que até então trabalhava somente com o teatro.Acertou na mão de primeira.O bom do filme e que ele não é pretensioso ao passar uma lição de vida,ele tinha tudo para isso( assista e verá) mescla  a ótima interpretação de Jamie Bell e a maravilhosa trilha sonora que casa com cada cena.Não é a toa que na cerimonia do Osca quase sempre tem uma cena de Billy Elliot.


http://www.youtube.com/watch?v=JoiVEyCosEE

Veja o Traler do filme.


Vai ai a dica para um bom filminho. Alias o anjo mal não fez tanto mal assim,pois além das lagrimas me veio o grande desejo de sair dançando como Billy Elliot. E minha alma ficou lavada com a energia de sua determinação.








quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

A hora do pesadelo

Na noite passada me sentir saindo de um filme de terror.Daqueles que você quando assiti fica com medo do escuro.Desde pequena sofro de terror noturno ou para ficar mais chique de pavor nocturnus.Nossa parece coisa de rico.O que muitas vezes para mim depois é engraçado, na hora não tem graça nenhuma.Na noite passada acordei gritando tanto que acho que até os mortos ouviram.Não é facil conviver com este distúrbio,pois afeta muito no social.Estima-se que 3% dos adultos e 15% das crianças e adolecêntes sofrem deste disturbio.O terror noturno nada mais é que, acordar brutalmente de um pesadelo e mesmo acordada agi como se estivesse dormindo.Agitação,gritos,suor,falta de ar e em alguns caso fuga da cama ou do quarto.Comportamento destrutivo e agressão.Na maioria das vezes a pessoa não se lembra de nada.Durante o ataque de terror noturno, existe uma superativação do sistema nervoso autônomo simpático, incluindo dilatação das pupilas, sudorese, aumento nas taxas respirátórias e cardíaca, e aumento na pressão arterial. A taxa do coração (taquicardia) pode aumentar até 160 a 170 batimentos por minuto (o normal geralmente é de 60 a 100 no adulto), os quais são maiores que aqueles ocorrendo durante os episódios de estresse mais severos.Atualmente não foi detectada nenhuma causa nem um tratamento específico para casos de terror noturno. Entretanto psicoterapia e hipnose tem mostrado benefícios em alguns paciêntes .O terror noturno é o irmão malvado do sonambulismo.








Eu como muitos brasileiros sofro de distúrbio do sono.O que classifica se você sofre de algum distúbio é um padrão alterado de sono que pode incluir a dificuldade de adormecer ou de continuar dormindo, adormecer em horários impróprios, tempo total de sono excessivo ou comportamentos anormais associados ao sono.São varios os distúrbios do sono e já foram descobertos mais de 80,entre eles :
  • apnéia do sono
  • narcolepsia
  • hipersonolência
  • sindrome das pernas inquietas
  • sonambulismo
  • terror noturno
  • bruxismo (ranger os dentes)
  • ronco primario
  • insonia
E assim vai uma longa lista dos nossos "amiguinhos" noturnos.Esses comportamentos estão diretamente relacionados com desenvolvimento humano, contudo,caso tenha uma grande afinidade com algum distúrbio e eles venham a ocorrer com maior freqüência é necessário procurar um especialista. Coisa que eu nunca fiz.


É possível ter um sono com boa qualidade e livre destes distúrbios. Acompanhe abaixo, 10 dicas recomendadas pela ABSONO (Associação Brasileira do Sono) para você ter um bom descanso.


10  Mandamentos para uma boa noite de sono


1. Horário regular para dormir e despertar.

2. Ir para a cama somente na hora dormir.


3. Ambiente saudável.

4. Não fazer uso de álcool próximo ao horário de dormir.


5. Não fazer uso de medicamentos para dormir sem orientação médica.


6. Não exagerar em café, chá e refrigerante.

7. Atividade física em período adequados e jamais próximo à hora de dormir.

8. Jantar moderadamente em horário regular e adequado.

9. Não levar problemas para a cama.

10. Atividades repousantes e relaxantes após o jantar.

Difícil seguir a risca os mandamentos para uma agradavél noite de sono.Adoro um "refrizinho',cigarros são companheiros antes do soninho, a hora da janta e a Festa  de Babete e os problemas são nossos amantes.Sempre estão presentes em nossa mente na hora de dormi.




A cada noite,chegamos a sonhar entre cino e quatro vezes,geralmente não nos lembramos de todos os sonhos.Os sonhos ajudam a mente a processar informações,eles são sinais de uma mente ativa que coloca em ordem as experiências de vida.Mas em meu caso.desordem total.Usamos os sonhos e pesadelos para lidar com  extresses e pressões da vida.Ele é nosso termometro para dar vazão a medos,insegurança,situações de conflito.
Como mostra a figura a cima os gregos antigos pensavam que,durante o pesadelo,a pessoa era dominada por um 'incubus" (um pequeno demônio) que se sentava no torax do sonhador,levando-o a sensação de sufocamento,dificuldades respiratórias,e um coração acelarado e pesado.
No passado os sonhos eram interpretados por mágicos e adivinhos. Várias passagens do Alcorão, o livro sagrado dos muçulmanos, teriam sido passadas a Maomé durante os sonhos.No período moderno o maior decifrador de sonhos foi Freud. Para ele os sonhos são realizações de desejos. Sonhamos com aquilo que desejamos enquanto estamos acordados.
Vai saber quem tá certo nesta questão.Eu só quero uma boa noite de sono para começar bem o dia.E você o que acha dos disturbios,sonhos e pesadelos?


Assista o vídeo abaixo sobre uma pesquisa do sono.

E uma boa noite de sono para você.

















quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Ano novo problemas velhos






Todo ano e a mesma coisa, nos sentimos como dentro de um final de novela das 20h.Ao badalar da meia noite como um passe de mágica,todos nossos problemas somem na contagem regressiva para a virada do ano .Tudo acaba bem no capitulo final.Fazemos promessas que nunca são compridas,beijamos pessoas que passamos o ano inteiro falando mal e temos a ilusão que tudo será melhor.
Neste ano foi tudo diferente.Eu não prometi Nada.
Não prometi que ia parrar de fumar,não prometi que seria mais compreensiva com meu proximo,não prometi que ia emagrecer (esta promessa preciso mesmo).A unica promessa foi não prometer.Fiquei revoltada pois não ganhei na MegaSena da Virada.Puxa vida já tava fazendo tantos planos com o dinheiro, que quando vi que nem um numero que eu joguei foi sorteado voltei para a realidade e fui molhar meu lombo(estava cozinhando neste momento).
O engraçado que sempre fui muito crente e todos os anos na virada fazia uma porrada de simpatias.
Era simpatia para arrumar namorado,para ter prosperidade,ter saúde,dinheiro.Até fiz a simpatia para viajar mais.Esta foi hilária.Em quanto todos se preparavam para a virada do ano, peguei a mala e dei varias volta na casa de praia .Parecia uma louca com aquela mala.Segundo a revista de horóscopo,quantas volta vc dava ao redor  da casa, seria o numero de viagens que vc faria no ano seguinte.Você viajou?Nem eu.
Mas uma coisa era sagrado a lingerie nova e da cor que vc queria realizar seus desejos.
Vermelho,amor,amarelo,dinheiro,Verde,esperança...Blá,blá,blá.Este ano passei com uma calcinha velha e rasgada.Pois a coisa tá feia aqui em casa.Entrei em um site para ver como seria o ano para meu signo e na primeira pesquisa o que achei não me agradou nem um pouco.A coisa tá feia pra quem é libriano rssss.Mas calma se vc é de libra não se desespere fucei até achar um site que tudo era azul pra nois.Não acredite em tudo que diz seu signo.Ou não confie no primeiro site que ler.
Ano novo problema velho.O ano virou e eu continuo com os mesmos problemas de 2009.Acho que eles até aumentaram pois agora tenho o dever de não cometer os mesmos erros.Até os de português de meu blog.




A renovação não está nas simpatias ou nas calcinhas novas e sim vem de dentro.
Uma boa psicologa ajuda também ou sem dinheiro para a terapia compre um livro de auto-ajuda.
Mas não se esqueça de seus problemas eles podem voltar quanto menos você esperar."O plantiu e opcional...Mas a colheita é obrigatória..Por isso cuidado com que planta."(Proverbio Chinês)
Que cada dia,cada mês seja melhor que o ano passado.Que sua colheita seja farta e possa ser compartilhada.
Em 2010 vamos mentir,vamos sofrer,descobrir novos amigos,novas paixões (ou antigas) falta de dinheiro nem precisa falar né.Engordaremos.Pois o que comemos no Natal e no Ano novo nos acompanham para o ano seguinte.Mas não se desespere.Calma.Tudo acaba bem quando vc faz o bem.Estou com esperança e confiante .
O fim de um ano velho e bom para renovação interna e externa (para a externa cumprar a promessa do regime).
Mas como diz o Rei "Daqui pra frente tudo será diferente,você vai aprender a ser gente..."rssss

Muita sabedoria a todos
.Saúde fisíca,mental e espirítual.
Pois vamos precisar.
E Deus acima de todas as coisas.
Que comecem os trabalhos.
Bom 2010!